Biografia
LOGO

LABIRINTO - JARDINS

To rear the Column, or the Arch to bend,

 

To swell the Terras, or to sink the Grot;

 

In all, let Nature never be forgot."

 

Alexander Pope

 

 

 

O Labirinto é uma empresa criada em 1994, que desenvolve projectos de arquitectura paisagista para todo o tipo de espaços verdes, tendo sempre por base princípios de sustentabilidade ecológica, promoção do uso de espécies autóctones, incentivo à biodiversidade, e a eficiência em termos de manutenção e gestão dos recursos hídricos, sempre aliados à criação de espaços esteticamente apelativos e funcionais.

 

Para além da vertende de projecto, o Labirinto dedica-se à construção, manutenção e conservação de espaços verdes, assim como à instalação de sistemas de rega, sendo instalador oficial da Rain Bird.

 

 

 

João Mariares de Vasconcelos - Gerente | Paisagista

 

Licenciado em História da Arte e Arqueologia pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, concluiu, em 1996, o curso de Desenho de Jardins da English Gardening School - Chelsea Physic Garden. Em 2016, obteve o Certificate in the Principles of Horticulture da Royal Horticultural Society.

 

 

 

Carolina Ribeiro Mariares de Vasconcelos | Arquitecta Paisagista

 

Licenciada em Arquitectura Paisagista pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, completou o Mestrado na mesma área em 2012, com a tese com o tema "Stowe Landscape Gardens - Estratégias de recreio e turismo associadas a jardins com carácter histórico". Nesse mesmo ano, integrou a equipa de manutenção dos jardins paisagistas de Stowe, no Reino Unido, onde completou o seu estágio. Em 2016, obteve o Certificate in the Principles of Horticulture da Royal Horticultural Society.

 

 

 

Patrick Amaral Rodrigues | Arquitecto Paisagista | Colaborador

 

Licenciado e Mestre em Arquitectura Paisagista pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Tese de mestrado. Em 2012, obtém o Certificate of Training and Work at Stowe Landscape Gardens, tendo integrado a equipa de manutenção deste jardim histórico, no Reino Unido. Em 2015, realiza o estágio de mestrado no gabinete de Arquitectura Paisagista da FCUP, colaborando no projecto de recuperação paisagística dos jardins e mata da Quinta de Nova Sintra, coordenado pela Arq. Paisagista Teresa Portela Marques. Completou o mestrado com a elaboração da tese sobre "A vegetação ornamental em uso na segunda metade do século XIX e a recuperação de paisagens de valor histórico".

 

© LABIRINTO-JARDINS